Investimentos do Governo do Estado reforçam agricultura familiar em Porto Seguro

Paula Fróes/GOVBA

                                                                        Foto:Paula Fróes/GOVBA

Agricultores familiares e povos indígenas do município de Porto Seguro, Território de Identidade Costa do Descobrimento, estão comemorando os investimentos do Governo do Estado, que irão impulsionar a produção e o beneficiamento oriundos de cadeias produtivas como as da piscicultura e fruticultura. Em evento realizado no município, nesta segunda-feira (30), o governador Rui Costa autorizou a Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR) a assinar convênios, da ordem de R$ 1,2 milhão, no âmbito do Bahia Produtiva, projeto executado pela Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR).

As ações, que estão beneficiando diretamente cerca de 300 famílias, são voltadas para a segurança alimentar e nutricional das famílias atendidas, visam ainda a inclusão produtiva, com geração de renda para os beneficiários. Entre as iniciativas executadas estão a implantação de cozinhas comunitárias, agroindústrias, viveiros escavados para a produção de peixes, casas de farinha, além da aquisição de equipamentos agrícolas, entre outras. No município de Porto Seguro, estão sendo executados 10 projetos, alcançando R$8,3 milhões em investimentos, beneficiando 612 famílias.

De acordo com o titular da SDR, Josias Gomes, são projetos provenientes de seleção via editais: “Pude ver a felicidade dos líderes indígenas que estão recebendo recursos para a execução de projetos que visam melhorar as condições de vida deles”. Gomes ressaltou ainda que foram entregues 10 mil mudas de fruteiras para incrementar a produção dessas famílias.

Foram realizadas ainda as entregas de 10 mil mudas de cacau seminal e clonal, graviola, abacaxi, açaí, jenipapo e banana. A ação beneficiará diretamente 57 famílias filiadas à Associação Comunitária Indígena da Aldeia Meio da Mata, do município de Porto Seguro. A ação é coordenada pela Superintendência da Agricultura Familiar (Suaf/SDR), em parceria com a Superintendência de Assistência Técnica e Extensão Rural (Bahiater) para o processo de distribuição às instituições familiares cadastradas no Sistema de Solicitação de Mudas e Sementes (SSMS).

Josenildo Brito, da Associação Comunitária Indígena Pataxó da Aldeia Meio da Mata, responsável pela articulação de projetos da associação, explica que o trabalho entre as famílias atendidas é realizado sempre em equipe e tem se tornado um sucesso, inicialmente para 47 famílias: “O edital 12 traz para a gente segurança alimentar e sustentabilidade e o nosso retorno já é muito positivo na questão da segurança alimentar, porque traz para as famílias da aldeia a agricultura familiar diferenciada, no plantio de lavouras orgânicas, melhorando a qualidade de vida das famílias e de toda a população do nosso território Pataxó”. Brito explicou ainda que a execução do projeto está dando certo porque as famílias estão empenhadas e irão produzir alimentos para vender para outras comunidades.

Outras ações 

Na ocasião, o governador entregou ainda uma ambulância para a Prefeitura de Porto Seguro, seis viaturas, no valor de R$723 mil, que também irão servir ao município de Belmonte e participou da inauguração de uma unidade escolar com 10 salas de aula no bairro do Cambolo. Foi inaugurada também a pavimentação no semianel rodoviário de Porto Seguro, na BA-001, e entregue as obras de qualificação de ruas do bairro Nilo Fraga. Para o município, os investimentos somam mais de R$24 milhões.

Bahia Produtiva

O Bahia Produtiva é resultado de um Acordo de Empréstimo firmado entre o Governo do Estado da Bahia e o Banco Internacional de Reconstrução e Desenvolvimento (BIRD). Com execução prevista para cinco anos, desde 2015 estão sendo investidos, por meio do projeto, US$ 260 milhões.

Galeria
30/09/2019

Investimentos do Governo do Estado reforçam agricultura familiar em Porto Seguro

Galeria de Fotos

ImprimirPDF
Compartilhe: