• Portarias da Secretaria de Desenvolvimento Rural

Bahia Produtiva

08/01/2019 18:01

Comunidade quilombola recebe investimento de mais de R$320 mil para mandiocultura

Em visita ao município de Vera Cruz, situado na Ilha de Itaparica, nesta terça-feira (8), o governador Rui Costa, autorizou a Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR) a conveniar, no âmbito do Bahia Produtiva, projeto executado pela Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), com a Associação de Arte e Cultura Quilombo do Tereré, no edital Socioambiental Quilombola. Será um investimento de mais de R$ 320 mil, que beneficiará diretamente mais de 15 famílias que vivem da mandiocultura e seus derivados.

A Associação, que pertence ao Quilombo do Tereré, aplicará o investimento na construção de viveiros, reforma de casa de farinha, aquisição de trator, assistência técnica e extensão rural (Ater), elaboração de plano de negócios e contratação de Agente Comunitário Rural (ACR). As ações visam estimular o desenvolvimento da agricultura familiar no local.

De acordo com o secretário da SDR, Jerônimo Rodrigues, “o quilombo do Tereré tem uma peculiaridade, pois é um ponto turístico forte de Vera Cruz. Essa é uma agenda importante, pois relacionamos a cultura local com o desenvolvimento da produção rural”.

Anatelson das Neves, presidente da Associação, destacou que com chegada do recurso, a produção na comunidade quilombola se tornará mais qualificada: “Este convênio é um sonho realizado, a nossa expectativa é grande para o plantio das mudas. O benefício vai ajudar muito a produção de grande escala, a forma de trabalhar, nos dará visibilidade, e as escolas que nos visitam vão ver uma produção melhor. Acredito também que vai ajudar a escoar os produtos e com certeza melhorar a renda das famílias envolvidas”, informou o presidente.

Mais investimentos
Ainda em Vera Cruz, o Governador Rui Costa assinou ordem de serviço para o início das obras de drenagem e derrocagem do canal de navegação do Terminal Hidroviário de Mar Grande. As intervenções irão aumentar o nível do canal, permitindo que não haja interrupções nos trajetos, mesmo durante os períodos de maré baixa. Atualmente, o serviço é suspenso quando a maré está baixa, pela impossibilidade de atracação das embarcações no terminal, devido à pouca profundidade no canal.

Com investimento de R$ 7,8 milhões do Governo do Estado, a obra vai beneficiar os moradores dos municípios situados na Baía de Todos-os-Santos, e tem prazo de conclusão estimado em oito meses. Durante o evento de assinatura, o governador agradeceu a receptividade dos moradores. “Em todo lugar que chego recebo esse carinho do povo da Bahia e isso me motiva. Estou muito feliz hoje, porque essa obra era muito esperada pela população aqui da ilha. E podem ter certeza que o trabalho não vai parar”, garantiu Rui Costa.

Executada pela Secretaria de Infraestrutura do Estado (Seinfra), a obra prevê a retirada de mais de cem mil metros cúbicos de pedras e rochas que estão submersas no canal e que impedem a plena navegação. A coleta do material irá aumentar a profundidade da água de dois a três metros.

Bom Despacho
Foi autorizado, pelo Governo do Estado, o início das obras de dragagem do canal de navegação do Terminal Marítimo de Bom Despacho, na Ilha de Itaparica, a fim de permitir a operação do Sistema Ferry Boat com mais segurança de navegação. A intervenção terá investimento de R$ 1,1 milhão. O Terminal é uma das principais entradas de pessoas e mercadorias para os municípios da Região Metropolitana de Salvador (RMS), além de interligar a capital às regiões do Baixo Sul, Sul, Extremo Sul e demais regiões do Brasil, e compõe o principal conjunto de infraestrutura de transporte hidroviário de passageiros da Bahia.

O governador autorizou também a Secretaria de Educação (Sec) a realizar obras de manutenção e reforma do Colégio Estadual Desembargador Júlio Virgínio de Santana, e entregou duas motocicletas, no valor de R$ 24 mil cada, para a 5ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM/Vera Cruz).
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.