• #
  • Portarias da Secretaria de Desenvolvimento Rural
  • Chocolates da Agricultura Familiar

Agricultura Familiar

05/01/2018 08:01

Produtos da agricultura familiar revelam o sabor dos territórios baianos

Chefs de cozinha que atuam no cenário baiano criam e apresentam pratos inéditos em seus restaurantes, elaborados com produtos da agricultura familiar da Bahia, gerando crescimento no setor rural e a valorização desses alimentos produzidos por agricultores e agricultoras familiares do estado.



O chef Caco Marinho, do restaurante Doc Casual, explicou que tem participado de expedições para conhecer o potencial produtivo que vem do rural baiano: “Já estivemos em Caém, onde participamos do Festival do Licuri, e conhecemos o trabalho com a caprinocultura no município de Pintadas. É muita riqueza que não está sendo valorizada o tanto que merece”.



Carre

Marinho destacou que as visitas aos municípios têm sido como o processo de um garimpo de novos ingredientes: “Como resultado, fizemos um carré de bode com manteiga de garrafa, purê de jambô roxo com licuri e uma vinagrete com maracujá da caatinga, mel de mandassaia e o samburá, alimento proteico das abelhas”. 



A iniciativa valorizou o trabalho de produtores como Valdivino Araújo, da Chapada Diamantina: “Demos um salto importantíssimo na valorização econômica, mas, sobretudo na valorização ambiental. Hoje, tanto o pequeno quanto o grande produtor vê no licuri uma fonte importante de sobrevivência humana e também animal, portanto, a preservação ganha um destaque importante de valorização gastronômica”. 



Licuri

Para o chef Fabrício Lemos, do restaurante Origem, a gastronomia vai além do dendê, que é só um ponto de partida para explorar toda a riqueza de insumos produzidos no interior do estado: “Aprendi em Amargosa, por exemplo, a fazer uma carne do sol com tropeiro de cuscuz e purê de aipim. Nossa missão é divulgar a Bahia para o Brasil e o mostrar que a Bahia vai além do dendê. Focado nos cinco biomas a gente mergulhou para redescobrir a Bahia e, com isso, a gastronomia baiana vem ganhando visibilidade em nível nacional”. 

A contadora Sayonara aprovou o prato de chef Fabrício. “O prato ficou muito bom e dá a possibilidade de quem não é muito chegado ao azeite, a saborear alternativas que deram certo. Pois onde a gente vai aqui na Bahia encontra pratos com dendê que nem sempre agrada a todos”.



Expedição Gastronômica

A Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), por meio do projeto Bahia Produtiva, executado pela Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), vem promovendo as Expedições Gastronômicas: Da roça para a mesa, que têm o objetivo de aproximar chefs de cozinha aos produtores, aos produtos da agricultura familiar e à cultura alimentar de diferentes localidades, além de inspirar novas receitas e promover os produtos nos restaurantes. 



A ação conta com a parceria da Aliança dos Cozinheiros Slow Food, uma rede que reúne cozinheiros de todo o mundo e que preza pela comida boa, limpa e justa.
A Expedição já levou chefs para conhecer o sistema produtivo da caprinovinocultura de corte, compreender o habitat natural do bode, seu modo de vida, alimentação na caatinga, as técnicas tradicionais, além de trocar experiências com os produtores de Pintadas, e sobre o licuri, durante o Festival de Caém, onde puderam degustar o fruto armazenado de formas diferentes e participar de oficinas temáticas, além de trocar experiência com produtores de licuri.



Com informações da Band News
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.