• Novs sedes e visturas reforçam segurança no Sudoeste
  • Edital de Mudas e Sementes

Agricultura Familiar

03/12/2017 17:12

Bahia Rural Contemporânea gera lucro de mais de R$20 milhões para a agricultura familiar da Bahia

O Bahia Rural Contemporânea 2017 – Feira Baiana da Agricultura Familiar, Economia Solidária e Reforma Agrária (VIII Febafes), promovido pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), foi um sucesso. O evento gerou lucro de mais de R$20 milhões para agricultores familiares de todos os Territórios de Identidade da Bahia.

Durante nove dias, mais de 1500 produtos de 270 cooperativas e associações caíram na graça do público. Mais de dez mil visitantes conheceram e degustam novidades como a linguiça de sardinha, de bode, chope de mel de cacau, cerveja de cupuaçu e de umbu, conferiram a diversidades de produtos alimentícios como licuri caramelizados, biscoitos, geleias, além de artesanatos indígenas e quilombolas, e se encantaram com o potencial produtivo revelado pelo estado.
Segundo o secretário da SDR, Jerônimo Rodrigues, o evento ultrapassou o ganho previsto. “Ficamos feliz em dinamizar a economia. Esse é um momento de vitória. O governo Rui Costa determina que a gente se esforce para melhorar a qualidade de vida do rural baiano e isso é o que nos motiva, cuidar de quem produz, de quem consome, gerar renda, impostos e postos de trabalho”.

Rodrigues destacou que chega ao fim do evento com a sensação de alegria e agradecido a cada um dos empreendedores e parceiros: “Um movimento bonito que, além de comercialização, contou com um conjunto de capacitações. Mostramos para a Bahia e ao Brasil a força que tem a agricultura familiar baiana”.
De acordo com a diretora de Agregação de Valor e Acesso a Mercado da Superintendência de Agricultura Familiar (Suaf/SDR), Elisabete Costa, o Bahia Rural Contemporânea trouxe este ano um novo conceito de agregar todos os territórios de identidade da Bahia em 22 armazéns trazendo a variedade de produtos baianos e a expectativa é que esse modelo seja levado para cada um dos territórios: “Foram fechados muito negócios com redes de distribuição, donos de supermercados, restaurantes, empresários. Mais de 4 mil pessoas se capacitaram em oficinas, palestras e cursos. Tivemos atrações culturais que apresentaram regionalidades baianas e a Cozinha Show, onde chefs de cozinha apresentaram pratos com os produtos da agricultura familiar expostos”.

Produtos fizeram sucesso

A Cooperativa Agroindustrial Pintadas (Cooap) trouxe para o Bahia Rural Contemporânea a carne de bode de Pintadas. O presidente da cooperativa, Valcyr Rios, afirmou que a participação superou as expectativas. “Vendemos mais de 1.200 quilos de carne, quem provou levou os nossos cortes para casa. A carne de bode de Pintadas, da marca FrigBahia, agora está registrada na cabeça das pessoas”.

Para a agricultora Alécia Cristina, da Cooperativa da Chapada, do município de Palmeiras, o evento rendeu bons frutos. “Vendemos 154 quilos de polpas de frutas de 200 gramas e já comecei a fornecer pra restaurantes”.

A Cooperativa de Pescado e Comercialização de Sobradinho (Coopes) também fez sucesso com a linguiça de sardinha. A presidente da cooperativa, Cida Pescadora, declarou que não há palavras para descrever a participação em um evento como esse: “Já vendemos mais de 700 quilos de nossos produtos. Estou emocionada em saber que nosso espetinho de sardinha lá do Sobradinho agradou a esse povo”.

O agricultor João Batista, do Território Bacia do Rio Corrente, relatou feliz que as vendas foram surpreendentes. “Hoje é o último dia e a maiora dos estandes não tem mais produtos. As prateleiras estão parecendo o deserto do Saara, graças Deus”.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.