• Prêmio de boias práticas 2017
  • Novs sedes e visturas reforçam segurança no Sudoeste
  • Banner Recadastramento do Servidor

Desenvolvimento Rural

14/06/2017 18:06

Governo anuncia 104 entidades que receberão investimento em projetos produtivos

Foram anunciadas, nesta quarta-feira (14), as 104 associações e cooperativas que contarão com recursos de cerca de R$40 milhões investidos em projetos ligados às cadeias produtivas da Mandiocultura, Oleaginosa e Fruticultura. As entidades serão atendidas pelo projeto de Desenvolvimento Rural Sustentável – Bahia Produtiva, da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), empresa pública vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR).

O anúncio das entidades selecionadas foi realizado durante uma videoconferência no Instituto Anísio Teixeira (IAT), em Salvador, com transmissão para as salas de videoconferência da Secretaria de Educação de todos os Territórios de Identidade da Bahia e pela internet.

De acordo com o titular da SDR, Jerônimo Rodrigues, a seleção das manifestações constam no acordo com o Banco Internacional para Reconstrução e Desenvolvimento – BIRD, que determina a realização da Avaliação de Impacto do Projeto e possui como princípio a garantia da transparência, da participação e do controle social em todo o processo de seleção. “Um processo democrático e transparente de uma agenda econômica do estado da Bahia”.

Segundo o diretor executivo da CAR, Wilson Dias, “os agricultores familiares atendidos terão condições imediatas de dobrar ou triplicar suas rendas, com investimentos em suas propriedades e nas unidades de beneficiamento”.

O coordenador do Bahia Produtiva, Fernando Cabral, informou que esses três editais fecharam o primeiro ciclo de editais do projeto tendo 500 empreendimentos contemplados. Ele destacou que “na próxima semana se inicia o processo do convênio com as entidades contempladas e que as associações e cooperativas devem ficar atentas à regulamentação da documentação”.

A Associação de Moradores de Pajeú, localizada no povoado Pau de Candeia, no município de Acajutiba, foi uma das entidades selecionadas no edital de mandiocultura e será contemplada com uma unidade simplificada de processamento de derivados de mandioca, no valor de R$ 233.7 mil.

A presidente da associação, Trindade Reis dos Santos, comemorou. “Esperamos com muita ansiedade para termos uma renda para nossa comunidade. Tiramos a tapioca na mão, com um pano, pra poder fazer beiju. Fazemos para o nosso consumo e, agora, vamos começar a vender na feira do município, proporcionando essa oportunidade para 80 famílias da nossa comunidade”.

No total, foram selecionados 104 projetos de toda a Bahia, 60 ligados à cadeia produtiva da fruticultura, 33 à mandiocultura e 9 à oleaginosas. A relação das entidades contempladas será publicada no Diário Oficial do Estado, neste fim de semana, e já está disponibilizada no site da CAR, www.car.ba.gov.br.

A videoconferência foi transmitida nos 27 núcleos de educação da Bahia e todo o processo foi acompanhado por representantes de prefeituras, colegiados, consórcios públicos, universidades, associações e cooperativas. Em Salvador, estiveram presentes o representante do Tribunal de Contas, Antônio Carneiro, o presidente do IAT, Desidério Bispo, e, representando o poder legislativo, a deputada Fátima Nunes.

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.