• Novs sedes e visturas reforçam segurança no Sudoeste
  • Edital de Mudas e Sementes

Agricultura Familiar

16/03/2017 18:03

SDR distribui 176 mil mudas frutíferas e essências florestais

A Secretaria de Desenvolvimento Rural da Bahia (SDR), por meio da Superintendência de Agricultura Familiar (Suaf), entregou 176 mil mudas de árvores frutíferas e essências florestais para extrativistas, assentados de reforma agrária, pequenos e médios agricultores familiares em diversos municípios baianos. Destas, 27 mil foram distribuídas no município de Riacho de Santana, Oeste baiano, no último fim de semana. A meta é entregar 7 milhões, até o fim desse ano.

De acordo com a diretora de Agregação de Valor e Acesso a Mercados da Suaf, Elisabete Costa, o Programa de Distribuição de Mudas é fruto da parceria entre a SDR/Suaf, Secretaria de Agricultura do Estado da Bahia (Seagri) e o Instituto Biofábrica. “Esta ação tem contribuído significativamente para diversificar e dinamizar as principais cadeias produtivas como a produção de culturas importantes como o cacau, mandioca, fruteiras de modo geral e essências florestais, nas propriedades de agricultores familiares, assentamentos da Reforma Agrária e comunidades tradicionais em todos os territórios de Identidade da Bahia, com isso, vem melhorando cada dia mais e causando impactos positivos na produção e na renda desses agricultores”.

O presidente da Associação Nova Esperança, do município de Una, Eliseu da Cruz Moreira, recebeu 12 mil mudas de abacaxi. “Distribuímos para famílias e multiplicamos mais 25 mil mudas. Plantamos, reproduzimos e hoje comercializamos as frutas, o que tem garantido a renda das nossas famílias”, destacou.

Já o Assentamento Terra Vista, do município de Arataca, por meio do colaborador e técnico da Biofábrica, Eliomar Nero, recebeu 44 mil mudas entre essências florestais, frutíferas, mandioca e cacau seminal. ”Mais de 300 famílias foram beneficiadas, entre agricultores, quilombolas, assentados. Eles reflorestaram áreas degradadas, reproduziram e comercializam tudo que produzem”, ressaltou.

Segundo o coordenador de Mudas e Bioenergias, Ronaldo Rodrigues, o programa também fortalece os sistemas produtivos agroecológicos da agricultura familiar, com o aumento da produção, produtividade e diversificação, favorecendo o acesso a sementes e mudas, considerando o melhoramento, resgate, conservação, multiplicação e distribuição de materiais propagativos, para agricultores familiares do estado da Bahia.

“Recebemos duas mil mudas de árvores e frutíferas, das quais transformamos para oito mil. Hoje elas reproduzem e viraram nossa fonte renda”, pontua Zeli Moraes Dórea, sede do assentamento PuximSarampo, do município de Canavieiras.

As mudas são produzidas na Biofábrica, que tem com objetivo principal promover, criar, implantar manter e gerir, unidades de produção e multiplicação, em escala industrial, de material genético de alta qualidade e produtividade de cacau e outras culturas agrícolas para os ecossistemas da Mata Atlântica, Floresta Amazônica, Cerrado e Caatinga. Visando o desenvolvimento social e econômico das comunidades atendidas.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.